Web

Origem do tráfego: Queda de 8% do Facebook e ascensão de Google, Pinterest e Instagram – Gráficos

Origem do tráfego: Queda de 8% do Facebook e ascensão de Google, Pinterest e Instagram - Gráficos

Recebi via e-mail uma postagem interessante sobre audiência e origem de tráfego, feito pela Shareaholic.

A Shareaholic é conhecida por suas ferramentas Web, como plugins de WordPress para compartilhamento de links, entre outros.

Com dados de 2017, o artigo aponta uma queda na participação do Facebook como origem do tráfego para os sites, com uma subida de leve de outras redes sociais, mas principalmente do Google.

Em parte, esse fenômeno pode ser explicado pelos problemas que o Facebook teve com as eleição presidencial americana de 2016 (“fake news”, hackers russos e toda aquela confusão), o que fez ela mudar o algoritmo algumas vezes. A queda tende a ser maior este ano, pois a rede social do Mark Zuckerberg tenderá a mudar o seu foco para relações entre amigos, jogando para baixo da timeline a produção de conteúdo e compartilhamento de links.

Pela primeira vez desde fins de 2013 as buscas passaram as redes sociais como origem do tráfego.
Pela primeira vez desde fins de 2013 as buscas passaram as redes sociais como origem do tráfego.

Imagem vs. texto

Outro ponto interessante da pesquisa: o crescimento da participação do Instagram, Pinterest e YouTube. São redes sociais voltadas basicamente à imagens e vídeos. Seria essa uma tendência? Eu acho que sim. Estamos cada vez com mais pressa… Listas no BuzzFeed já apontavam isso. Na pesquisa é possível analisar a queda de “dinossauros”, como Twitter, Reddit e StumbleUpon. Mas não sou futurólogo nem quero ficar de papo furado por aqui – o leitor que entenda como preferir. 🙂

Em todo caso recomendo o artigo, principalmente a parte dos gráficos, bem informativos.

Curtiu? Então aperte o botão:
Tagged: , , , , , , ,