Blog · PHP · Software · Tecnologia · Web

Por que você deveria dar uma chance ao framework Phalcon

Sou desenvolvedor PHP já há alguns anos. Vou falar aqui de frameworks PHP.

No mercado brasileiro se destacam alguns: Laravel, Symfony, Yii… todos muito bons. Mas neste post gostaria de chamar a atenção para um framework que venho usando a um tempo e que também é, a meu ver, muito depreciado por estas terras e merecia mais atenção: Phalcon.

Meu intento aqui é apresentar, de maneira breve, alguns pontos interessantes dele.

Blog · Brasil · Web

Batendo palmas pra maluco dançar: entre esquerdoidos e bolsominions

Eu já escrevi sobre malucos dos dias de hoje aqui no blog. E havia deixado este post em rascunho. Porém, hoje me deparei com esse texto do Rica Perrone e me senti motivado a ressuscitar este texto. Mas aqui vou tratar de um de outro tipo de doido.

O perfil de maluco que vou tratar aqui é o do political junkie. O viciado em política. O cara que fica o dia inteiro nas redes sociais compartilhando, curtindo e debatendo sobre política – geralmente para reforçar o seu ponto de vista ou então mostrar a hipocrisia e os possíveis erros e fracassos do outro lado.

Blog · Tecnologia · Web

Vultr: recomendo!

Desde janeiro último eu sou cliente da Vultr, como relatei neste post sobre o Post4Fun!. Esse artigo será breve, só com a intenção de descrever minha experiência até agora com o serviço – caso alguém ainda não conheça essa empresa e ache que servidores Cloud só se restrigem a empresas como AWS e DigitalOcean.

Estou bastante satisfeito até agora. Foi bem fácil implementar um servidor Web com stack LEMP (Linux, Nginx, MySQL e PHP).

Só vou adiantando: não sou especialista em infraestrutura, nem DevOps, etc. etc. Sou desenvolvedor Web, apenas. Com experiência de alguns anos, é verdade – mas apenas isso. Meu conhecimento na parte de infra se resume a coisas mais básicas.

Blog · Marketing · Negócios · Startups · Tecnologia · Web

Growth Hacking em 3 livros

De uma maneira rápida podemos dizer que growth hacking é a nova forma de se criar e lançar novos produtos.

Foi-se o tempo em que o VP de marketing se fechava em si mesmo, com uma verba, e decidia como investir no marketing de um produto já desenvolvido. Corria-se um risco grande de fracasso. Hoje, num mundo em que tudo muda a todo instante é mais inteligente ir desenvolvendo um produto aos poucos, vendo sua recepção junto ao público e fazendo-se o “ajuste fino” ao longo do caminho.

O surgimento do growth hacking tem relação com o ecosistema de startups do Vale do Silício. Não se havia muito orçamento para se investir em propaganda; daí era preciso se usar a criatividade.

Web

Origem do tráfego: Queda de 8% do Facebook e ascensão de Google, Pinterest e Instagram – Gráficos

Recebi via e-mail uma postagem interessante sobre audiência e origem de tráfego, feito pela Shareaholic.

A Shareaholic é conhecida por suas ferramentas Web, como plugins de WordPress para compartilhamento de links, entre outros.

Com dados de 2017, o artigo aponta uma queda na participação do Facebook como origem do tráfego para os sites, com uma subida de leve de outras redes sociais, mas principalmente do Google.

Blog · Software · Web · Wordpress

A2 Hosting: não recomendo!

Desde 10 de outubro do ano passado o meu site pessoal (este aqui mesmo) foi está rodando em um novo serviço de hospedagem, na A2 Hosting.

Fazia mais de três anos que estava hospedado na BrasilWebHosting, nos EUA. Custava-me em torno de R$ 180/ano, devido ao fato de ter desconto (por ser cliente antigo ou coisa assim).

Porém, estava insatisfeito com a lentidão do meu WordPress. Mesmo com cache e otimizações eu ainda não estava contente com a performance. Então comecei a buscar informações de empresas de hospedagem adequadas ao WP e que tivessem bons preços.

Projetos · Web

Post4Fun!, primeiro mês

Há cerca de um mês eu lançava na internet o modesto projeto Post4Fun!.

De início, sabia que ele não iria ter um boost nos acessos. Já deveriam ter projetos semelhantes na Web. Fiz no espírito de querer brincar de fazer algo novo. Usei o velho WordPress como CMS, com um tema pronto e apenas criando um plugin para gerar as imagens e salvá-las como post. A criação de imagens é feita usando a biblioteca Pixi.js.

O site está hospedado no Vultr. Lancei uma VM facilmente, já com ambiente LEMP instalado. A Vultr está até agora garantino uma boa performance por um bom preço ($ 5/mês). Quanto a isso, nada a reclamar – só a elogiar. 🙂

Desenvolvimento · Dicas & Tutoriais · Web

Cursos de React em vídeo grátis na Udemy

O React é um dos frameworks Javascript mais populares da atualidade. De uns anos para cá o uso dele em novos projetos vem crescendo – em grande parte pelo desânimo da comunidade com as novas versões do Angular – que, embora tenham melhorado no quesito performance, também cresceram no quesito complexidade. É notável o crescente interesse da comunidade e das empresas pelo React, por vantagens que ele oferece, como a desenvolver apps nativos, e não híbridos (como o Angular).

Pessoalmente, só experimentei trabalhar com Angular, e ainda sim curta experiência (ultimamente tenho me dedicado mais ao lado backend). Garimpando a Web, me deparei com dois cursos gratuitos disponíveis na Udemy.

Blog · Desenvolvimento · Web

Bootswatch: Temas gratuitos para Bootstrap

Nem preciso dizer que, quando se está fazendo o frontend de um site logo pensamos num framework para facilitar o trabalho. E, nesse caso, entre algumas opções, é provável que pensemos primeiro no Bootstrap.

Quando se está fazendo um projeto pessoal, seja um sitezinho de portfolio ou uma simples landing page, é interessante recorrer a temas já feitos. Assim, fugimos do padrão já vindo com o Bootstrap, e damos uma graça a mais no trabalho.

Tecnologia · Web

Essas favelas virtuais chamadas redes sociais

Nas favelas, vemos gangues brigando, disputando territórios. Ou simples bate-bocas para ver quem tem razão. Nas redes sociais também.

De vez em quando ocorrem linchamentos perpetrados por moradores. É sabido que ocorrem justiçamentos feitos com as próprias mãos, onde o Estado não chega. Nas redes sociais, ou através delas, temos linchamentos também.

Sem falar que as donas de casa, desocupadas, matam o tempo conversando com as vizinhas sobre TV e novelas. E nas redes sociais há isso também.

Projetos · Software · Web

Atualização do Post4Fun! – logotipo e patterns

Atualizei o Post4Fun!, com novo logo e identidade visual. Foram criadas páginas no Facebook e Twitter, também.

O Post4Fun! é um projetinho simples que lancei em meados de janeiro último. É uma ferramenta para criação de textos em imagens, de maneira simples e direta. Para saber mais, explico neste post.

O logotipo novo (substituindo o anterior horroroso, feito às pressas) foi criado no Blender. Eu renderizei em estilo “isométrico” (ortográfico) e meio cartoon, acentuando os edges. E texturizei no Blender também, pintando via Texture Painting. Foi ótimo, principalmente para se tirar a ferrugem. Nem lembrava mais como usar o esquema de pintura no Blender! Felizmente um vídeo no YouTube ajudou.

Depois dei acabamento usando o Inkscape: Efeito de glow básico: duplicando o ícone 3D, jogando ele atrás e lançando mão da opacidade e desfoque. E, também, uso de tipografia descrevendo o nome do site. No Inkscape criei as imagens de perfil e capa do Facebook e Twitter. Tudo em ambiente Linux. Quem me conhece aqui pelo blog sabe que sou fã destes softwares há um bom tempo.

Blog · Dicas & Tutoriais · Javascript · Web

Obtendo as teclas que estão sendo pressionadas ao mesmo tempo com Javascript e jQuery

Quem trabalha com desenvolvimento Web pode ter se deparado com a situação de precisar implementar algum comando via teclado, em estilo teclas de atalho, seja para recurso de acessibilidade ou para uma simples aplicação Web. Isso é possível, é fácil e basta algumas linhas de código Javascript.

Experimentando pela primeira vez o CodePen, resolvi escrever um tutorial simples a fim de explicar como implementar essa funcionalidade, com algumas poucas linhas de código. No exemplo uso a bilbioteca jQuery, além do JavaScript.

Livros · Web

Blogueiros que se tornaram (bons) escritores

Aconteceu de, recentemente, eu ler dois autores que, apesar das diferenças de temáticas dos seus livros, têm coisas em comum: são autores jovens, jovens, escreveram livros bem escritos e, principalmente, são “bichos” surgidos da internet. Blogueiros, enfim. São eles Ryan Holiday e Mark Manson.

Embora talvez ainda não seja uma constante, é cada vez mais comum autores começarem na internet da mesma maneira que muitos autores de antigamente começavam na grande imprensa, escrevendo crônicas ou artigos. Até porque a internet de hoje é a mídia impressa de ontem.

Abaixo listo alguns autores de livros que são figuras surgidas da internet, que começaram basicamente escrevendo em blogs – seja em blogs de grandes portais ou autônomos. Li os quatro e deixo uma breve descrição e opinião sobre eles. No fim do artigo deixo links de livros dos autores caso haja interesse.

Dicas & Tutoriais · Software · Tecnologia · Web

E-mail grátis com domínio próprio: usando Zoho Mail

Existem ocasiões em que você pode lançar mão de uma hospedagem grátis e apontar um domínio próprio para ela. No entanto, a hospedagem de site é uma coisa; ter contas de e-mails com o mesmo domínio (ex.: fulano@dominioproprio.com) é outra.

Os mais antigos lembrarão que a Microsoft, via Hotmail, oferecia esse recurso gratuitamente. Porém ela desativou isso por volta de 2014. A opção seria pagar por um serviço de e-mails para tal recurso, e aí a melhor opção seria usar o G Suite da Google. Porém, criar e-mails com domínio próprio ainda é possível usando o serviço da Zoho Mail.

A Zoho Corporation é uma startup de matriz indiana, cujo produto principal é o Zoho Office – uma alternativa ao Office 365 e ao G Suite.

Blog · Web

Caixas de comentários

Caixas de comentários. Elas surgiram com os blogs, e hoje estão espalhadas por toda a internet. O motor que fez o Facebook crescer foi a caixa de comentários, disponível em todo o post na rede e que alimenta discussões que fazem o povo voltar e voltar, gerando visitas para a rede social.

Hoje a seção mais movimentada é a caixa de comentários. As pessoas vão à ela sem mesmo ler a notícia. O importante é opinar…