Livros · Web

Blogueiros que se tornaram (bons) escritores

Blogs & books

Aconteceu de, recentemente, eu ler dois autores que, apesar das diferenças de temáticas dos seus livros, têm coisas em comum: são autores jovens, jovens, escreveram livros bem escritos e, principalmente, são “bichos” surgidos da internet. Blogueiros, enfim. São eles Ryan Holiday e Mark Manson.

Embora talvez ainda não seja uma constante, é cada vez mais comum autores começarem na internet da mesma maneira que muitos autores de antigamente começavam na grande imprensa, escrevendo crônicas ou artigos. Até porque a internet de hoje é a mídia impressa de ontem.

Abaixo listo alguns autores de livros que são figuras surgidas da internet, que começaram basicamente escrevendo em blogs – seja em blogs de grandes portais ou autônomos. Li os quatro e deixo uma breve descrição e opinião sobre eles. No fim do artigo deixo links de livros dos autores caso haja interesse.

Ryan Holiday

Ryan Holiday
Ryan Holiday

Meu autor favorito da lista. O primeiro livro que li de Holiday foi Acredite, estou mentindo, que já citei por aqui. Li anos atrás, e nele o autor já tratava de como era fácil manipular a opinião pública de maneira simples, comprando artigos em blogs, entre outros. Num tempo em que nem se falava em “fake news”. Era, até então, seu único livro traduzido no Brasil. Na época ele ainda trabalhava como VP de marketing. Depois ele continuaria como consultor, mas hoje se dedica mais como escritor ou autor de artigos em sites.

Ele lançaria outros dois livros legais: O obstáculo é o caminho, em que ele recorre aos filósofos estoicos, e O Ego É Seu Inimigo. Este último é o meu favorito. Nele, desenvolve melhor o estoicismo e, através de histórias do mundo real, ele ressalta como é importante se controlar o ego e como ele pode afetar suas decisões e capacidade de ver o mundo. Tudo bem embasado em filosofia e história, sem ser pedante. É um autor bem promissor.

LEIA TAMBÉM  Cursos de React em vídeo grátis na Udemy

Nate Silver

O estatístico Nate Silver ficou famoso quando blogueiro do The New York Times, ao prever os resultados das eleições presidenciais americanas em 2008 e também em 2012. Posteriormente ele lançaria um livro, O Sinal e o Ruído. Por que Tantas Previsões Falham e Outras nãoAtualmente trabalha na ESPN americana.

Mark Manson

Manson ficou famoso no Brasil em 2016 ao escrever no seu blog o post “Uma carta aberta ao Brasil“, que viralizou à época. Ele residiu no Brasil durante quase quatro anos e casou-se com a blogueira brasileira Fernanda Neute. O seu segundo livro, A sutil arte de ligar o f*da-seentrou na lista dos mais vendidos das Amazon americana e brasileira. É um livro até que legalzinho, um tanto superficial diria eu. Mas tem dicas valiosas e é divertido de se ler. Útil para se ler numa sentada num fim de semana.

Flávio Morgenstern

É o brasileiro da lista. O Flávio é um escritor e tradutor de matriz conservadora. Ele se tornou conhecido na internet por escrever no site Implicante e mais recentemente tocando o Senso Incomum – para mim, o site com o melhor time de articulistas liberais/conservadores do País, disparado. Seu primeiro livro é o Por Trás da Máscara, de 2015. No livro, Morgenstern analisa os movimentos políticos esquerdistas atuais, pegando as jornadas de junho de 2013 como início. Daí em diante ele constrói um panorama do assunto em plano mundial, com muito conhecimento e bom humor.

É interessante como ele conseguiu tratar de assuntos terrivelmente chatos (como política e “movimentos sociais”) como um texto leve e divertido. E sem cair na esculhambação. Recomendo.


A seguir, alguns dos livros dos autores citados:

Curtiu? Então aperte o botão:
Tagged: , ,